Vitória triste de Sébastien Ogier

WRC terminou com o Rali de Gales/Grã-Bretanha

Ogier encerrou a temporada como a começou, a ganhar

Ogier encerrou a temporada como a começou, a ganhar

Correu o pano sobre a temporada de 2015 do WRC. E correu como, aliás, correu quase toda, logo desde a prova de abertura: com um triunfo de Sébastien Ogier, que já chegou ao País de Gales com o terceiro título consecutivo de Campeão do Mundo garantido. Mesmo assim, não quis deixar os seus créditos por mãos alheias e dominou nas difíceis estradas galesas o Rali de Gales/Grã-Bretanha, escapando incólume às armadilhas que forma afastando do seu caminho alguns dos principais adversários, como o seu colega de equipa Jari-Matti Latvala, Ott Tanak e Thierry Neuville, que desistiram depois de aparatosos (e embaraçoso, no caso do finlandês) despistes… Mas, para Ogier, este que foi o 8º triunfo da temporada e 32º da sua carreira, deverá ter sido o mais triste de todos: no final, emocionado pelos acontecimentos terroristas de Paris, não festejou a vitória, afirmando, comovido, que “não há razões para comemorar. Tenho outras cosias no meu pensamento.” O pódio ficou completo com Kris Meeke (Citroën), a garantir o seu melhor resultado de sempre em casa e por Andreas Mikkelsen (VW).

CLASSIFICAÇÃOhttp://www.ewrc-results.com/results.php?e=19132&s=99525&t=Wales-Rally-GB-2015

HR

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s