Marc Surer ferido em queda de cavalo

Ex-piloto participava em concurso hípico

Marc Surer ficou gravemente ferido numa queda de cavalo

Marc Surer ficou gravemente ferido numa queda de cavalo

Marc Surer, que foi piloto de F1 entre 1979 e 1986, correndo por equipas como a Ensign, a ATS, a Arrows ou a Brabham, sofreu uma violenta queda de cavalo, quando participava num concurso hípico. O suíço fraturou a perna esquerda – que já tinha partido duas vezes, em dois acidentes em Kyalami, em 1980 e 1982! – bem como cinco costelas, sofrendo ainda perfuração de um pulmão. O ex-piloto, que tem 63 anos e é há muito um dos mais respeitados comentadores de F1 na televisão, trabalhando atualmente para o canal alemão da Sky, foi operado de urgência no dia a seguir à queda e encontra-se agora a recuperar em casa, embora mantendo-se afastado dos ecrãs pelo menos até ao GP da Áustria, que terá lugar a 21 de Junho. Marc Surer foi, em 31 de Maio de 1986, vítima de um gravíssimo acidente, de que ainda guarda mazelas físicas, quando disputava o Rali Hessen, ao volante de um Ford RS 200 – o carro despistou-se a alta velocidade, saindo de estrada e embatendo na única árvore no local, partindo-se em dois e explodindo em chamas. O piloto conseguiu sobreviver com graves fraturas e queimaduras, mas o seu navegados, Michel Wyder, ficou encarcerado e não resistiu às chamas. Depois disso, Surer abandonou as competições.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s