João Barbosa venceu 12 Horas de Sebring

O mais bem sucedido nos “States”

João Barbosa dominou as 12 Horas de Sebring desde a sétima hora

João Barbosa dominou as 12 Horas de Sebring desde a sétima hora

João Barbosa tornou-se o primeiro piloto português a vencer as 12 Horas de Sebring. E, também, o mais bem sucedido em Terras do Tio Sam pois, a juntar a este triunfo, Barbosa também já venceu, à geral, as 24 Horas de Daytona, em 2010 e 2014, assinando, dessa forma, um feito único na História do automobilismo nacional. Em Sebring, acompanhado como sempre por Christian Fittipaldi e Sébastien Bourdais, no Corvette DP da Action Express, o piloto portuense, que festejou os 40 anos no passado dia 11? deste mês, dominou conforme quis, a partir da sétima hora da prova, altura em que adotou um ritmo tão endiabrado que ninguém mais ousou contestrar, tendo cortado a meta com uma volta de avanço sobre os carros “gémeos” da Wayne Taylor Racing e da Visit Florida, que foram os seus principais adversários. Num ano em que se acreditava que os Daytona Prototypes iram ter nos LMP2 um osso duro de roer, assistiu-se ao descalabro destes útlimos, que abandonaram quase todos. O melhor não-DP terminou em 6º lugar, vencendo a categoria PC. Pedro Lamy terminou em 6º na categoria GTLM, depois de ter perdido várias voltas logo no início, quando Paul Dalla Lana perdeu uma roda do Aston Martin Vantage V8 oficial. A categoria foi ganha pelo Corvette C7.R de Jan Magnussen/Antonio Garcia/Ryan Briscoe. Por sua vez, Rui Águas foi 10º nos GTD, que foi ganha pelo Porsche 911 GT America da equipa Alex Job Racing pilotado por Ian James, Mario Farnbacher e Alex Riberas.

CLASSIFICAÇÃO

João Barbosa/Christian Fittipaldi/Sébastien Bourdais (Action Express/Corvette DP) 340 voltas (1º DP) Ricky Taylor/Jordan Taylor/Max Angelelli (WTR/Corvette DP) a 1 v.;  Richard Westbrook/Michael Valiante/Mike Rockenfeller (Visit Florida/Corvette DP) a 1 v.;  Joey Hand/Scott Pruett/Scott Dixon (Ganassi/Riley-Ford DP) a 1 v.;  Eric Curran/Dane Cameron/Max Papis (Action Express/Corvette DP) a 2 v.;  Mike Guasch/Andrew Palmer/Tom Kimber-Smith (PR1-Mathiasen/Oreca FLM09) a 6 v. (1º PC) Jon Bennett/Colin Braun/James Gue (CORE autosport/Oreca FLM09) a 6 v. (2º PC);  Tracy Krohn/Nic Jonsson/Olivier Pla (Krohn/Ligier-Judd) a 6 v.;  Jerome Mee/James French/Conor Daly (Performance Tech/Oreca FLM09) a 7 v. (3º PC); 10º Jan Magnussen/Antonio García/Ryan Briscoe (Corvette/Corvette C7.R) a 10 v. (1º GTLM)11º Pierre Kaffer/Giancarlo Fisichella/Andrea Bertolini (Risi/Ferrari F458) a 10 v. (2º GTLM); 12º Bryan Sellers/Wolf Henzler/Patrick Long (Falken Tire/Porsche 911 RSR) a 11 v. (3º GTLM); (…) 15º Ian James/Mario Farnbacher/Alex Riberas (Alex Job/Porsche GT America) a 22 v. (1º GTD)16º Christina Nielsen/James Davison/B. Davis (TRG/Aston Martin Vantage) a 22 v. (2º GTD); 17º Paul Dalla Lana/Pedro Lamy/Darren Turner/Mathias Lauda (AMR/Aston Martin Vantage) a 22 v. (6º GTLM); 18º Bill Sweedler/Townsend Bell/Anthony Lazzaro (Corsa/Ferrari F458) a 22 v. (3º GTD); (…) 28º Piergiuseppe Perazzini/Marco Cioci/Rui Águas/Enzo Potolicchio (AF Corse/Ferrari F458) a 32 v. (10º GTD).

HR

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s