Tiago Monteiro no pódio de Termas de Río Honda

Citroën continua a dominar WTCC

Tiago Monteiro subiu ao pódio na segunda corrida

Tiago Monteiro subiu ao pódio na segunda corrida

A jornada de abertura do WTCC, que teve lugar na pista argentina de Termas de Río Hondo, viu os Citroën C-Elysée WTCC continuarem a ser os dominadores dos acontecimentos. Com uma velocidade de ponta superior em 10 km/h e uma volta mais rápidos 1,5s que os outros – liderados pelos Honda Civic WTCC – os carros oficiais da equipa francesa venceram ambas as corridas e ambas com liderança desde a largada. Na verdade, desde os treinos, quando José María López, o herói local e Campeão em título, conquistou uma “+pole” notável e, no arranque, não falhou, liderando sempre a primeiras corrida, para gáudio das tribunas cheias. Atrás de si, rodaram os seus colegas de equipa, com Yvan Müller na frente de Sébastien Loeb. E, sem nada poder fazer contra, Tiago Monteiro foi “o melhor dos outros”, ao terminar em 4º lugar. A segunda corrida foi algo diferente… no início. Com James Thompson (Lada Vesta) e Tom Coronel (Chevrolet Cruze) na primeira linha, estes falharam o arranque, deixando-se ultrapassar por quem vinha atrás. E, de uma enorme confusão, em que Tiago Monteiro chegou a estar em 3º, emergiu Sébastien Loeb, para conquistar, sem sobressaltos após desembaraçar-se de Ma Qing Hua, que chegou a liderar, a terceira vitória da sua carreira no WTCC. Atrás de si, chegou José María López, após uma boa recuperação na primeira metade da prova e, nas últimas voltas, Tiago Monteiro conseguiu bater o seu colega de equipa, Gabriele Tarquini, para subir a um merecido pódio.

CLASSIFICAÇÕES

1ª Corrida: José María López (Citroën C-Elysée), 12 voltas; Yvan Müller (Citroën C-Elysée), a 3,170s; Sébastien Loeb (Citroën C-Elysée), a 7,500s; Tiago Monteiro (Honda Civic WTCC), a 14,168s; Gabriele Tarquini (Honda Civic WTCC), a 16,322s; Norbert Michelisz (Honda Civic WTCC), a 18,470s; Ma Qing Hua (Citroën C-Elysée WTCC), a 20,164s; Tom Chilton (Chevrolet Cruze), a 23,499s; Stefano D’Aste (Chevrolet Cruze), a 27,306s; 10º Rickard Rydell (Honda Civic WTCC), a 30,266s; 11º Dusan Borkovic (Honda Civic WTCC), a 34,387s; 12º Gregoire Demoustier (Chevrolet Cruze), a 36,213s; 13º Mehdi Bennani (Citroën C-Elysée WTCC), a 37,906s; 14º Tom Coronel (Chevrolet Cruze), a 4 v.

2ª Corrida: Loeb, 15 voltas; López, a 4,690s; Monteiro, a 10,149s; Tarquini, a 11,564s; Bennani, a 14,956s; Michelisz, a 17,948s; Ma, a 19,697s; Chilton, a 21,338s; Rydell, a 30,607s; 10º Demoustier, a 32,304s; 11º D’Aste, a 42,280s; 12º Müller, a 43,627s

José María López foi o primeiro vencedor do ano no WTCC

José María López foi o primeiro vencedor do ano no WTCC

HR

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s