Félix da Costa venceu Formula E em Buenos Aires

No sítio certo e na hora certa

António Félix da Costa conquistou a sua primeira vitória na Fórmula E

António Félix da Costa conquistou a sua primeira vitória na Fórmula E

A carreira de um piloto não é feita só de saber e talento: por vezes, é preciso estar no sítio certo, na hora certa. Foi o que sucedeu com Antóinio Félix da Costa, para ser o vencedor de um caótico e-Prix de Buenos Aires, a quarta prova do FIA Formula-e Championship. Oitavo na grelha de partida, o piloto da Amlin Aguri ganhou uma posição logo no arranque, subindo depois ao sexto, ao ultrapassar Jean-Éric Vergne. Então, começou a grande confusão em pista: Karun Chandok despistou-se e isso levou à entrada do “safety car”, que Félix da Costa aproveitou para ir às boxes trocar de carro. Regressou em 4º e, impávido e sereno, assistiu ao descalabro mesmo à sua frente. Primeiro, os pilotos que estavam em 1º e 2º, Sébastien Buemi, autor da “pole” e Lucas di Grassi, que vinham dominando a “procissão”, despistaram-se e, logo a seguir, os que ficaram à sua frente, Nick Heidfeld (1º) e Sam Bird (2º) deram entrada nas boxes para cumprir uma penalização de “drive through”, deixando Félix da Costa no comando da corrida, isolado. Assim, até ao final bastou-lhe controlar o andamento dos adversários… e os consumos de energia, para garantir a sua primeira vitória na Formula E. Um triunfo do mérito de saber ter paciência e evitar as armadilhas do circuito traçado nas ruas da capital argentina, mas também condimentado com aquela pontinha de sorte que tanto lhe tem faltado na carreira: “Hoje, foi o meu dia!” – comentou no final.

CLASSIFICAÇÃO

1º António Félix da Costa (Amlin Aguri), 35 voltas, em 48m52,100s; Nicolas Prost (e.DAMS), a 5,354s; Nelson Piquet Jr. (China Racing), a 8,552s; Jaime Alguersuari (Virgin), a 11,148s; Bruno Senna (Mahindra), a 11,535s; Jean-Eric Vergne (Andretti), a 13,319s; Sam Bird (Virgin), a 13,617s; Salvador Duran (Amlin Aguri), a 14,724s; Nick Heidfeld (Venturi), a 15,464s; 10º Oriol Servià (Dragon Racing), a 19,334s; 11º Ho-Pin Tung (China Racing), a 37,858s; 12º Marco Andretti (Andretti), a 1 v.; 13º Daniel Abt (Abt), a 2 v.; 14º Jérome d’Ambrosio (Dragon Racing), a 2 v.

Próxima prova: Miami (USA), 14 de Março de 2015

Félix da Costa liderou a segunda parte da corrida de Buenos Aires

Félix da Costa liderou a segunda parte da corrida de Buenos Aires

HR

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s