Novo Mazda MX-5 viu a luz do dia

A quarta geração do Mazda MX-5 foi hoje apresentada

A quarta geração do Mazda MX-5 foi hoje apresentada

Uma geração de arrasar corações

A quarta geração do Mazda MX-5 viu hoje a luz do dia, numa apresentação acompanhada em todo o Mundo com curiosidade, expetativa e muita emoção. É que não é todos os dias que se asiste ao nascimento de um novo ícone. O seu lançamento oficial está previsto para 2015.

O novo Mazda MX-5 pretende continuar a lenda do que é o “roadster” mais famoso (e vendido) do Mundo. Uma tarefa que não é anda fácil. Mas, para que resulte, a Mazda foi buscar o melhor da sua tecnologia SKYACTIV e do seu “design” Kodo, baseado na filosofia da alma em movimento, onde um automóvel é mais que uma simples e fria massa de metal em movimento – é uma criatura viva. Por isso, o MX-5 ostenta agora umas formas mais modernas, algo arrojadas, em simultâneo mais joviais e atrevidas. Enfim, totalmente voltadas para as emoções e o maior bater dos corações.

O novo MX-5 é mais curto e compato e mantém a tração traseira

O novo MX-5 é mais curto e compato e mantém a tração traseira

O Mazda MX.5 mantém a tração traseira, continua com dois lugares e, acima de tudo, a capota de lona – mais leve – que ajudou a construir a sua fama. Mais leve cerca de 100 quilos que a geração anterior, com a adoção do alumínio no “capot”, tampa da mala e reforços dos guarda-lamas dianteiro e traseiro, é muito baixo em relação ao solo e em agora com um renovado centro de gravidade, enquanto a distribuição de pesos é neutra, com uns perfeitos 50-50, para os dois eixos.

O MX-5 é agora mais curto (3,915 mm contra 4.020 mm), mais baixo (1.235 contra 1.255 mm) e mais largo (1.730 mm contra 1.740 mm) que o anterior. A distância entre eixos é de 2.315 mm – 15 mm mais curta que na terceira geração. E, em relação a esta, estruturalmente existem algumas diferenças, como o habitáculo mais recuado – porque o motor foi colocado mais perto do centro do carro – e os bancos mais baixos e perto do solo. O volante é agora mais pequeno. Com isso, a sensação de “performance” e de velocidade deverá ser ainda superior e, claro, o prazer que daí se retira vai decerto aumentar.

O habitáculo está mais recuado e ainda mais desportivo

O habitáculo está mais recuado e ainda mais desportivo

Para que isso seja mais evidente, a Mazda tornou a suspensão mais rígida, com duplos triângulos sobrepostos na frente e multibraços atrás. Os pilares A e o rebordo superior do para-brisas são mais finos e este é mais recuado, promovendo uma menor turbulência aerodinâmica e, sendo ainda amais inclinados, uma melhor visibilidade para a estrada. O “capot” é mais baixo

Em termos mecânicos, o novo Mazda Mx-5 adota os motores a gasolina com tecnologia SKYACTIV-G de injeção direta, que foram adaptados ao carro e colocados longitudinalmente. Não se conhecem mutos pormenores quanto às suas versões, mas crê-se que sejam um 1.5 e outro 2.0, com potências a rondar s 140 e os 200 cv respetivamente.

Em ermos de equipamento a novidade principal é a introdução do sistema de conectividade MZD-Connect.

O novo Mazda MX-5 será lançado no mercado em 2015

O novo Mazda MX-5 será lançado no mercado em 2015

Texto: Hélio Rdorigues; Fotos: Divulgação

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s